Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > » Acesso as praias > Destaques > Exército e Ministério do Esporte assinam acordo de cooperação sobre Complexo de Deodoro
Início do conteúdo da página

Exército e Ministério do Esporte assinam acordo de cooperação sobre Complexo de Deodoro

Publicado: Sexta, 10 de Fevereiro de 2017, 15h46 | Última atualização em Terça, 14 de Março de 2017, 15h34 | Acessos: 481

O Acordo de Cooperação entre o Exército Brasileiro e o Ministério do Esporte vai possibilitar a coordenação das atividades do Complexo Esportivo de Deodoro como legado dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. O documento foi assinado, no dia 8 de fevereiro, pelo Comandante do Exército, General de Exército Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, e pelo Ministro do Esporte, Leonardo Picciani, no Quartel-General do Exército, em Brasília (DF).

(Acordo de CooperaçãoClique aqui para acessar)

Por meio do acordo, foram estabelecidas responsabilidades quanto ao custeio, investimento e manutenção dos equipamentos e instalações no Complexo Esportivo de Deodoro, na Vila Militar do Rio de Janeiro (RJ). O espaço é constituído pelo Centro Militar de Tiro Esportivo Tenente-Coronel Guilherme Paraense, pelo Centro de Hóquei sobre Grama Sargento João Carlos de Oliveira, pelo Centro de Pentatlo Moderno Coronel Eric Tinoco Marques, pela Arena Coronel Wenceslau Malta e pelo Parque Equestre General Eloy Menezes.

O foco da parceria será o incentivo ao esporte de alto rendimento, estimulando atividades conjuntas com Confederações, Federações, Clubes e demais entidades de prática desportiva, além de promover ações de integração social, como o Programa Forças no Esporte, realizado em parceria com o Ministério da Defesa.

“Nós temos absoluta certeza de que, sob a gestão do Exército e com o nosso apoio, os equipamentos das Olimpíadas, legado dos Jogos, cumprirão a sua função de ser um patrimônio do País a ser usado na preparação dos nossos atletas e na preparação das futuras gerações de atletas brasileiros”, afirmou o Ministro Leonardo Picciani.

Para o Chefe do Centro de Capacitação Física do Exército, General de Brigada Jorge Antonio Smicelato, o acordo também será uma oportunidade de investir na inclusão pelo esporte, disponibilizando as arenas do Complexo para que a comunidade do entorno tenha um espaço para a recreação esportiva e o desenvolvimento de talentos.

Fonte:

http://www.eb.mil.br/

registrado em:
Fim do conteúdo da página